Skip to main content
a primeira impressão não é a que fica

A Primeira Impressão não é a que Fica

A Primeira Impressão não é a que fica

 

Quem já assistiu o filme do Steven Spielberg: Prenda-me se for capaz? No final do filme, o  DiCaprio vira até impressor!

Foi médico, Piloto, Professor… mas quando virou impressor, a casa caiu!

Esse e-book A Primeira Impressão NÃO é a que Fica vai detalhar um pouco mais a área gráfica. Leia, conheça mais!

Ai vai uma amostra do que você verá. Faça parte!

 

a primeira impressão não é a que fica

BAIXE O SEU!

De modo geral a impressão faz parte da vida de todos. Hoje não é possível passar um único dia sem que não nos deparemos com algo impresso, seja qual for o objeto ou o sistema de impressão.

Os tipos de materiais a serem impressos são chamados de substratos e podem variar bastante. A primeira imagem que se faz ao falarmos de impressão são os jornais, as revistas, os folhetos que pegamos na rua. No entanto, as artes gráficas englobam um universo de produtos, uma gama inimaginavelmente complexa e fascinante. Sua identidade, cartão de crédito, uma caneta ou saco de pão. Objetos que “esquecemos” que são impressos, todos eles fazem parte desse mundo fantástico.

Para aqueles que amam a informação e têm a curiosidade, ou até mesmo a sede de saber mais, abordarei assuntos técnicos, instruções operacionais com o foco na impressão offset, que é um processo que exige controle de inúmeras variáveis e um caráter firme do impressor e dos envolvidos para que o produto seja uma soma, e a resposta do cliente seja um sorriso com uma deixa: “volto sempre!”

Do ponto de vista de alguém que é apenas curioso, uma gráfica é um galpão com impressoras industriais que fabrica produtos impressos. Do ponto de vista do cliente é um local onde ele deposita suas ideias e paga para tê-las impressas.

Já no ponto de vista de quem trabalha na área, é um ambiente estressante, complicado e muito diferenciado. Tem inúmeros problemas a serem resolvidos e prazos curtos.

Mas tudo isso é arte, e quem entra nesse ramo aprende a amar.

É claro que nem sempre essa arte vem de artistas…. as vezes vem de arteiros….

BAIXE O SEU!

 

Produção

 

Diante dos problemas enfrentados no dia-a-dia, pode-se notar que dificilmente consegue-se atingir produções máximas, velocidades, e qualidades máximas em 100% dos serviços e produtos gráficos.

Os motivos são as variáveis técnicas, as variáveis humanas e as variáveis gestoras.

Produzir muito não é garantia de altos lucros. O lucro depende de quão planejado foi o serviço. Esse planejamento pode diminuir consideravelmente o preço do serviço tornando-o mais atrativo, ao mesmo passo que aumenta os lucros.

O segredo está em garantir que o serviço comece e termine como o planejamento assim o estipulou. Para isso, não basta apenas produzir mais e mais, mas sim produzir com qualidade e sem erros.

BAIXE O SEU!

 

COMENTE! COMPARTILHE!

A Primeira Impressão Não é a que Fica

Visite a página de livros



Share This:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *